MUSEU DE ARTE DE SÃO PAULO - Assis Chateaubriand
- | A | +

Tomie Ohtake, Composição, 1978. doação da artista, 1979, acervo MASP, foto Eduardo Ortega
Vista da exposição Histórias Feministas | Carla Zaccagnini, 2016, foto, Eduardo Ortega

Carla Zaccagnini – o que você vê nunca é apenas o que você vê

Há uma espécie de pacto envolvido nos trabalhos de Carla Zaccagnini. Por um lado, suas produções são muitas vezes fruto da colaboração com outros profissionais cujas expertises são fundamentais para seu desenvolvimento. Por outro, há também uma aposta em uma relação de cumplicidade por parte do público. É preciso que este se faça efetivamente presente, que tome consciência de si e do lugar que ocupa. Seu ponto de vista – atenção, envolvimento, curiosidade – é tão crucial quanto o da artista, e daqueles que eventualmente colaboraram na criação da obra. Seja pelo dado de jogo, presente em muitas propostas, seja pelo papel que a língua opera, e que sempre implicará o outro. Em Elementos de beleza: Um jogo de chá nunca é apenas um jogo de chá, pertencente ao acervo do MASP, o convite a esse pacto está colocado desde o título da instalação. Está também na sua conformação, que convoca o público a experiênciá-la com o corpo, como que a reencenar os eventos que estão na origem do trabalho.

PALESTRANTE

Fernanda Albuquerque é curadora, pesquisadora e professora do Curso de Museologia e do Programa de Pós-Graduação em Museologia e Patrimônio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). É Doutora em Artes Visuais pela UFRGS, com estágio na University of the Arts (UAL). Foi Curadora Assistente da 8a Bienal do Mercosul (2011) e Curadora de Artes Visuais do Centro Cultural São Paulo (2008-2010). Já desenvolveu projetos em instituições como Instituto Tomie Ohtake, Goethe Institut Porto Alegre, Santander Cultural, Bienal do Mercosul, Galería Gabriela Mistral, Fundação Ecarta, Museu Murillo La Greca e Centro Universitário Maria Antonia. Em 2010, recebeu o prêmio Estudos e pesquisas sobre arte e economia da arte no Brasil, oferecido pela Fundação Bienal de São Paulo.



Carla Zaccagnini – o que você vê nunca é apenas o que você vê
Data: Sábado, 02 de setembro de 2017
Horário: 11h00
INSCRIÇÕES PRESENCIAIS

ASSISTA A APRESENTAÇÃO