MUSEU DE ARTE DE SÃO PAULO - Assis Chateaubriand
- | A | +

Sandro Botticelli e ateliê, Virgem com o Menino e São João Batista Criança, 1490-1500, têmpera sobre madeira, diâmetro 74 cm.

ACERVO MASP
ARTE DA ITÁLIA: DE RAFAEL A TICIANO

Período:
26.6 a 4.10.2015

A arte da Itália recebeu atenção especial do diretor-fundador do museu, o italiano Pietro Maria Bardi (1900-1999), com aquisições extraordinárias de obras de Rafael, Mantegna, Bellini, Ticiano e Tintoretto, entre outros. Esta exposição inclui obras da coleção do MASP do século 13 ao 18, do período medieval à Renascença e ao Barroco. Ao lado das pinturas, na mesma parede, são mostrados documentos e fotografias sobre doações, aquisições, empréstimos, atribuições e exposições, parte dos arquivos histórico e fotográfico do museu. O interesse é considerar a obra não apenas no contexto da história da arte, mas também em sua relação com o MASP, São Paulo e o Brasil.

O núcleo central de Arte da Itália são as transformações estéticas e técnicas da Renascença, período fundamental da história da arte, abrangendo um arco temporal que vai do classicismo de Rafael às experiências cromáticas de Ticiano, que influenciaram as gerações posteriores. Os trabalhos exibidos foram produzidos na região que hoje se conhece como Itália, mas que até o século 19 era um conjunto de pequenos Estados, administrados por poderes locais independentes, pela Igreja Católica ou por potências estrangeiras. Dessa forma, cada região desenvolveu uma produção em pintura bastante particular, com características distintas, como as linhas precisas em Florença, a preocupação com a arquitetura e a perspectiva na Úmbria ou o uso da cor em Veneza. Cada artista utilizava esse repertório local à sua maneira, recebendo também influências externas, e produzindo obras que refletiam momentos específicos, expressando visões próprias. 

A expografia é uma retomada de dois projetos de Lina Bo Bardi (1914-1992), arquiteta responsável pelo MASP, para o acervo do museu. O primeiro é uma reconfiguração dos painéis suspensos utilizados para expor a coleção do museu na Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), entre  1957 e 1959 – originalmente, painéis de dezoito metros, aqui eles têm 24 metros. O segundo resgata as estruturas tubulares de metal que exibiam as pinturas, também de forma suspensa, projetadas para o MASP em 1947, ano de sua fundação, na antiga sede da rua 7 de Abril – com elas são expostas aqui pinturas de Perugino e Ticiano. A recuperação de projetos de Lina nas exposições de 2015 apresenta ao público o percurso da arquiteta até chegar aos famosos cavaletes de vidro. Lina projetou os cavaletes para a exposição do acervo no segundo andar do museu na avenida Paulista, inaugurado em 1968. Sem uso desde 1996, eles voltarão no final do segundo semestre de 2015.

Os longos painéis utilizados na exposição favorecem a organização cronológica dos trabalhos. Ao recusar o agrupamento por escolas artísticas, que pautavam o gosto e o estilo de uma região, busca-se evidenciar as singularidades de cada obra. Nesse sentido, a ideia de cronologia aqui empregada não carrega uma noção evolutiva ou de progresso, mas reforça as concepções de mundo e as formas de conhecimento de cada artista. 

Curadoria: Adriano Pedrosa, diretor artístico; Eugenia Gorini Esmeraldo, coordenadora de intercâmbio; Tomás Toledo, curador assistente. 

A lista de obras e artistas dessa exposição pode ser consultada aqui

Informações Gerais
  • SERVIÇO

    Arte da Itália: de Rafael a Ticiano

    Data: 26 de junho a 4 de outubro de 2015
    Local: 2º subsolo do MASP
    Endereço: Avenida Paulista, 1578, São Paulo, SP
    Telefone: (11) 3149-5959 

    Horários: Terça a domingo: 10h às 18h (bilheteria aberta até às 17h30); Quinta-feira: 10h às 20h (bilheteria até 19h30)

    Ingressos: R$25,00 (entrada); R$12,00 (meia-entrada)
    O MASP tem entrada gratuita às terças-feiras, durante o dia todo, e às quintas-feiras, a partir das 17h. O ingresso dá direito a visitar todas as exposições em cartaz no dia da visita. Estudantes, professores e maiores de 60 anos pagam R$12,00 (meia entrada). Menores de 10 anos de idade não pagam ingresso. O MASP aceita todos os cartões de crédito. O Vale cultura é bem-vindo.

    Acessível a deficientes, ar condicionado, classificação livre.

    www.masp.org.br | facebook.com/maspmuseu | twitter.com/maspmuseu | instagram.com/masp_oficial

    Imprensa
    A4 Comunicação  
    (11) 3897-4122  
    Mai Carvalho: maicarvalho@a4com.com.br  
    Isadora Calil: isadoracalil@a4com.com.br 
    Neila Carvalho: neilacarvalho@a4com.com.br 

    Departamento de Comunicação 
    e Relacionamento MASP
      
    Francine Kath: francine.kath@masp.org.br 
    Renata Toledo Geo: renata.toledo@masp.org.br  
    Kairin Kikuchi: kairin.kikuchi@masp.org.br

|